Artista plástico guarda presente para senador Nelsinho Trad por 12 anos

Artista plástico guarda presente para senador Nelsinho Trad por 12 anos

COMPARTILHAR
Nelsinho recebe obra do artista. (Divulgação)

O artista plástico, Nilo Shigueru Arashiro, surpreendeu o senador Nelsinho Trad com uma tela pintada em 2010. Doze anos depois, ele a entregou de presente com detalhes simbólicos sobre a trajetória da família Trad. “Esse sinal é o amor. No início, a vida do Consul Assaf Trad foi difícil, ele teve uma queda, depois, os seus descendentes prosperaram. O amarelo simboliza o ouro, porque ele dizia que se você trabalhava, o Brasil era uma terra rica e o verde é a nossa mata e o vermelho é o amor. Isso representa riqueza e trabalho”, explicou o artista ao senador Nelsinho Trad.

Encantado com o presente inesperado, o senador Nelsinho Trad compartilhou em suas redes sociais um vídeo compartilhando essa história inusitada. “Essa obra ficou guardada por ele como um tesouro. Ao me entregar, perguntei: – Quanto custa? Ele respondeu: – A arte não tem preço, tem o amor do artista! Fiquei lisonjeado pela expressão artística dele e tão verdadeira, porque traz muita bagagem afetiva”, disse o senador que preserva as tradições libanesas e se orgulha de seus ancestrais.

A esposa de Nilo, cirurgiã-dentista Dália Kayoko Nishimura, não esperava que o senador aceitasse o convite para uma visita em sua residência. “Meu pai me ensinou que, assim, como na vida, na política, tem que se ter educação”, disse o senador Nelsinho Trad, satisfeito com o carinho do casal.

Em fevereiro de 2010, Nilo Shigueru fez uma exposição de artes no Paço Municipal, na época, o senador Nelsinho Trad era o prefeito de Campo Grande e os conheceu durante o evento. O artista ficou grato à atitude do, então, prefeito. “Ele abriu espaço para a arte, quando não havia exposições. Foi tão gentil que eu me lembrava sempre das suas palavras daquele dia e, depois, inspirado no avô dele, eu pintei e guardei o quadro para entregá-lo um dia”, contou o artista plástico.

Na época, ele ouviu conselhos de que poderia ser mal interpretado e hesitou em entregar a tela. “Poderiam achar, como se o gestor público tivesse oferecido a oportunidade ao artista plástico em troca de uma obra original. Ele fez tudo de coração, deu espaço a todos que pintavam e eu não quis atrapalhar. Mas, sabia que um dia poderia dar esse presente, só não imaginava quando”, disse Shigueru.

Em contato com a assessoria do senador Nelsinho Trad, o artista fez uma verdadeira reverência ao imigrante, avô paterno do parlamentar. “Serei eternamente grato por me permitir essa oportunidade de homenagear a família Trad, na pessoa do senador Nelsinho Trad, com um singelo presente, efetivamente de coração. Muito obrigado”, disse.

Assessoria/Neiba Ota

Imagem em evento de 2010.