Segundo avião da FAB para buscar brasileiros em Israel pousa em Roma

Segundo avião da FAB para buscar brasileiros em Israel pousa em Roma

COMPARTILHAR

A segunda aeronave da operação de resgate de brasileiros que estão em Israel decolou de Brasília na tarde de segunda-feira (9) e chegou em Roma, na Itália, na manhã desta terça-feira (10). Segundo a Força Aérea Brasileira (FAB), esse primeiro pouso serve como uma base logística antes do avião chegar ao destino. A operação de repatriação contará com seis aeronaves.

O modelo KC-30 tem 59 metros de comprimento e pode transportar até 238 passageiros, 45 toneladas de cargas e voar a uma distância de 14,5 mil quilômetros. O primeiro avião, que decolou na madrugada de segunda do Brasil, decolou de Roma com destino à Israel às 11h42 horário local (6h42 horário de Brasília) para iniciar a repatriação de brasileiros que estão em Israel. Cerca de 2.200 brasileiros que estão na região do conflito entre Israel e o Hamas pediram ajuda ao governo federal para voltar para casa.

Rafael de Oliveira Bertholdo, do Segundo Esquadrão do Segundo Grupo de Transporte (2º/2º GT), comentou sobre a importância da missão. “É uma grande responsabilidade para a nossa tripulação. Além disso, essa ajuda humanitária comprova também a característica de pronta-resposta da nossa Força Aérea, pois foi possível preparar as aeronaves e coordenar a missão em um curto espaço de tempo. Fica nítida a real necessidade de nosso país possuir aeronaves desse porte. O KC-30 tem como uma das principais características a capacidade de transportar um grande número de pessoas, com segurança, para longas distâncias. Assim, essa é uma missão real de utilização do poder aéreo em tempo de guerra”, disse.

Um dos três brasileiros que estavam desaparecidos em Israel foi encontrado morto. Ranani Glazer estava desaparecido desde sábado (7), após a festa de música eletrônica em que estava, que ocorria a poucos metros da Faixa de Gaza, ser atacada pelo grupo terrorista Hamas.

Serviço

O Ministério das Relações Exteriores está acompanhando o caso. O Escritório de Representação em Ramala segue em contato com os brasileiros na Faixa de Gaza. Segundo a pasta, os plantões consulares da Embaixada em Tel Aviv (+972 (54) 803 5858) e do Escritório de Representação em Ramala (+972 (59) 205 5510), permanecem em funcionamento para atender as pessoas em situação de emergência.

Correio Braziliense