Ação internacional entre SENAD e Polícia Federal captura grande traficante de armas

Ação internacional entre SENAD e Polícia Federal captura grande traficante de armas

COMPARTILHAR
Pedro César Prieto, pode ser trazido para o Brasil.

Antônio Coca

Após mais de um ano de ações de inteligência entre Agentes Especiais da SENAD – a políciaantidrogas do Paraguai – e da Polícia Federal, acabou capturado Pedro César Prieto, considerado principal elemento no fornecimento de armas ao Comando Vermelho a partir da tríplice fronteira.

Prieto foi preso esta tarde em frente à Prefeitura de Ciudad del Este, onde trabalha como funcionário público. Ele é definido pela Polícia Federal brasileira um dos principais traficantes de armas de grosso calibre para uma das maiores facções do crime, que tem o Rio de Janeiro como centro de operações. Para tanto, utilizou as conhecidas “mulas de fronteira”, que recebem quantias em dinheiro pelo transporte das armas, principalmente em fundos de veículos.

Pedro César Prieto tem mandado de prisão internacional, com com classificação em vermelho da Interpol. Ele também cumpriu pena de prisão no Rio de Janeiro. Sua captura representa um grande golpe para a logística de abastecimento de armas do Comando Vermelho.

A Operação foi coordenada e acompanhada pelo Ministério Público através do promotor Eduardo Royg. Em território brasileiro, especificamente no Rio de Janeiro, a Polícia Federal também realiza operações simultâneas.