Atentado suicida em Bagdá deixa cerca de 30 mortos e mais de...

Atentado suicida em Bagdá deixa cerca de 30 mortos e mais de 100 feridos

COMPARTILHAR
Reprodução/AFP

Dois homens-bomba se explodiram nesta quinta-feira (21) em um mercado no centro de Bagdá, matando 32 pessoas e deixando mais de 100 feridos, no ataque mais mortal em três anos na capital iraquiana.

Um primeiro homem acionou seu cinto de explosivos no meio de vendedores e compradores num mercado de roupas de segunda mão na Praça Tayaran, informou o Ministério do Interior. Enquanto uma multidão se formava para tentar ajudar as vítimas, o segundo homem-bomba detonou seus explosivos, acrescentou o Ministério.

Segundo o último balanço comunicado de uma agência oficial iraquiana, 32 pessoas morreram e 110 ficaram feridas. De acordo com o ministro, todos os mortos registrados até agora morreram no local. Os médicos dizem que estão sobrecarregados na metrópole de dez milhões de habitantes, onde o Ministério da Saúde anunciou que colocou todo o pessoal médico em alerta máximo. Na praça, um cruzamento movimentado de Bagdá, poças de sangue eram visíveis, assim como pedaços de roupas rasgadas pelas explosões, observou um fotógrafo da AFP.

Soldados e paramédicos foram enviados à praça, com os primeiros bloqueando o acesso e os segundos ocupando-se em mover corpos ou ajudar feridos, em um balé de ambulâncias com sirenes inebriantes. Três anos atrás, no mesmo lugar, um ataque semelhante matou 31 pessoas.

Fonte: Correio Braziliense