Autoridades paraguaias cogitam fechar a fronteira por causa da Covid-19

Autoridades paraguaias cogitam fechar a fronteira por causa da Covid-19

COMPARTILHAR
Fronteira sob risco de novo fechamento.

Antônio Coca

A prefeitura, Câmara Municipal e autoridades de Saúde de Pedro Juan Caballero emitiram nesta quinta-feira (17), um documento pedindo à população para que sigam à risca as medidas sanitárias de biossegurança contra a Covid-19. O texto cogita um possível fechamento da fronteira, caso a doença continue crescendo.

“Considerando que nosso sistema sanitário está saturado e já temos a precariedade para o atendimento da população, corremos o risco de retornar à fase zero, bem como a fronteira poderia ser novamente fechada, o que acarretaria sérios prejuízos econômicos e sociais”, justifica. O município paraguaio pertence ao Departamento, equivalente a Estado, de Amambay, e este totaliza 401 casos confirmados do novo Coronavírus.

“A Administração Municipal, a Câmara Municipal e a Região de Saúde IXXX, fazem um apelo à população em função do aumento do contágio da Covid-19. Pedimos o cumprimento do distanciamento social, uso do álcool em gel, e que aglomerações em locais públicos e privados sejam evitadas”.

Conforme o texto, o apelo se estende também às autoridades de segurança para que cumpram os decretos e portarias vigentes naquele município em razão da pandemia do Novo Coronavírus.