Forças do Paraguai apreendem 385 quilos de cocaína em fazenda de Bahia...

Forças do Paraguai apreendem 385 quilos de cocaína em fazenda de Bahia Negra

COMPARTILHAR
Narcos mantinham ponto de apoio com combustível e "hangar". (Divulgação)

Antônio Coca

Como resultado de investigação sobre o tráfico de cocaína, Forças de Segurança do Paraguai apreenderam 385 quilos da droga e uma aeronave Cessna 210 com a matrícula boliviana CP 1597. A apreensão aconteceu em uma propriedade rural na área de Bahía Negra, região do Chaco.

Equipes da SENAD, Polícia Nacional, Marinha do Paraguai, Força Aérea e o Ministério Público desencadearam a operação na fazenda chamada “Boa Sorte”, localizada a 30 quilômetros do centro urbano da cidade de Bahía Negra.

A propriedade abandonada possuia pista clandestina e um galpão em que as autoridades presumem que era um ponto de apoio para reabastecimento de aeronaves procedentes da Bolívia já preparado para que dali os vôos seguissem para o Brasil.

No momento da ocupação pelas forças de segurança, duas pessoas que estavam no local fugiram em meio a mata. No local, foram encontradas 12 sacolas cheias de tijolos de cocaína absolutamente pura que pesaram 385 quilos, o avião boliviano, equipamentos GPS com rotas programadas e telefones celulares via satélite.

O Ministério Público instaourou processo de acompanhamento para determinar quem seria a liderança do esquema criminoso. A SENAD por sua vez segue em operações na região na caça aos envolvidos. Autoridades brasileiras farão contato com a SENAD em averiguação se a aeronave usada pelos traficantes não está entre as roubadas no Brasil para uso pelo narcotráfico.

Avião abandonado no local pode até ser roubada no Brasil.