Helicóptero com Evo Morales fez pouso de emergência esta tarde

Helicóptero com Evo Morales fez pouso de emergência esta tarde

COMPARTILHAR
Aeronave bateu em algo, teve problemas e precisou pousar logo após decolagem. (Foto reprodução)

Helicóptero que transportava o presidente Evo Morales, da localidade de Colquiri para Oruro, na Bolívia, teve que fazer um pouso de emergência devido a uma falha mecânica. O incidente aconteceu após o meio-dia desta segunda-feira (4) e o presidente saiu ileso.

Após o incidente, a Força Aérea Boliviana (FAB) emitiu nota, declarando que a emergência ocorreu devido a problemas na cauda do helicóptero durante a decolagem.

“A FAB, de acordo com os regulamentos, irá ativar o Conselho de Investigação de Acidentes; mais detalhes sobre o caso serão fornecidos conforme o andamento das investigações”, informa o comunicado da instituição.

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra o helicóptero, EC-145, com o registro FAB-007, no chão, rodeado por um grupo de pessoas. De acordo com o vídeo, o helicóptero colidiu com uma estrutura metálica na queda, após decolar e cair a uns 15 metros do local que partiu.

Evo Morales enfrenta séria crise política desde a apuração dos votos da eleição que garantiu o quarto mandato dele. Lideranças políticas contrárias a Morales afirmam que houve fraude e iniciaram uma série de manifestações, inclusive com o fechamento da fronteira da Bolívia com Corumbá desde 23 de outubro. O Comitê Cívico de Santa Cruz de La Sierra, que lidera a mobilização, deu prazo de 48 horas, que termina às 19h de hoje, para que Evo Morales renuncie e novas eleições sejam convocadas.