Mais de 23 toneladas de droga destruídas em acampamento de Narcoprodutores

Mais de 23 toneladas de droga destruídas em acampamento de Narcoprodutores

COMPARTILHAR

Antônio Coca

Durante operação nesta quinta-feira (4), agentes especiais da SENAD atuaram em uma área arborizada da Colônia Maracaná, no Departamento de Canindeyú, onde detectaram um complexo de acampamentos usados para processar toneladas de maconha para ser enviada ao mercado brasileiro.

A operação, liderada pelo promotor Lucrecio Cabrera, desmontou 4 campos, equipados com 24 macacos hidráulicos, 7 prensas, guilhotinas hidráulicas e outros implementos. Foram apreendidos 23.600 quilos de maconha entorpecente entre prensados e picados. Toda a logística e evidências encontradas foram destruídas por ordem do Ministério Público.

Considerando apenas o valor do entorpecente retirado de circulação no mercado paraguaio, calcula-se que o dano econômico causado ao narcotráfico exceda 710 mil dólares. Nenhum narcoprodutor foi preso no local.