Polícia do Paraguai prende suboficial que ajudava criminosos matar colegas

Polícia do Paraguai prende suboficial que ajudava criminosos matar colegas

COMPARTILHAR
Fredy foi morto em carro que havia sido roubado no Brasil e remarcado no Paraguai.

A Polícia Nacional do Paraguai prendeu nesta segunda-feira (25), o suboficial inspetor Cipriano Javier Silva Portillo, de 37 anos, acusado de participação em assassinatos de policiais paraguaios. Cipriano é apontado como envolvido na execução do também suboficial Fredy César Díaz, morto na manhã do último dia 13 no bairro Jardim Aurora, em Pedro Juan Caballero. Outro policial assassinado com a ajuda do colega, seria Antônio Alvarenga.

Cipriano atuava a mando do traficante Hugo César Lazerte Arguello, o “Tuka’i”, preso na noite de sábado (23) na região do Chiriguelo na rodovia PY 05 em Pedro Juan Caballero. O policial foi preso esta manhã no mesmo momento em que eram realizadas buscas na casa e estabelecimento comercial da mãe de “Tuka’i”, onde foram apreendidos carregadores de pistolas e munição 9 milímetros.

De acordo com a polícia, Cipriano era encarregado de indicar e até levar pistoleiros ou mandante do crime, ao local onde o colega alvo dos criminosos poderia ser surpreendido e morto. A prisão de Cipriano aconteceu no andamento de várias ações da Polícia Nacional e SENAD para esclarecer assassinatos ocorridos na fronteira e casos de corrupção policial.

Cipriano deve ser levado para Assunção.