SENAD e FTC, com helicópteros da Polícia Federal brasileira, iniciam operações contra...

SENAD e FTC, com helicópteros da Polícia Federal brasileira, iniciam operações contra o narcotráfico em Amambay

COMPARTILHAR
Forças policiais dos dois Países em mais uma grande ação contra narcotráfico

Antônio Coca

Um importante contingente de Agentes Especiais e membros das Forças Especiais da SENAD, com o apoio de pessoal da FTC e Helicópteros da Polícia Federal do Brasil, foi instalado em Pedro Juan Caballero para iniciar a Operação NOVA ALIANÇA 22, que visa atacar centros de produção e armazenamento de maconha e afetam significativamente os negócios ilícitos na região.

Com a chegada dos helicópteros modelo Augusta e Skylo da Polícia Federal, que colabora com a SENAD no âmbito de um acordo de cooperação e responsabilidade compartilhada na região, iniciaram-se as incursões das equipes táticas em áreas arborizadas, principalmente na localidade. de Chiriguelo.

No primeiro dia da operação, 2 campos de narcóticos e 2.200 quilos de maconha recentemente colhida foram localizados e destruídos. Da mesma forma, os antidrogas eliminaram 19 Hectares de Plantações de Cannabis, o suficiente para a produção final de pelo menos 57 Toneladas da erva ilegal.

Dessa forma, no primeiro dos 10 dias de operação, mais de 59 Toneladas de Maconha foram retiradas de circulação, representando um prejuízo para as estruturas do narcotráfico de aproximadamente 2 Milhões de Dólares, valor que pode ser 10 vezes maior que tendo entrado em território brasileiro. As incursões são acompanhadas pelo procurador Pablo Zorrilla. Nueva Alianza 22 é o reflexo do apoio mútuo permanente entre a SENAD do Paraguai e a Polícia Federal do Brasil no combate ao crime organizado.