Senado do Paraguai aprova a criação de mais um município na fronteira

Senado do Paraguai aprova a criação de mais um município na fronteira

COMPARTILHAR

Antônio Coca

O senado paraguaio aprovou ontem a criação de mais um município na região de fronteira com o Brasil em Mato Grosso do Sul. Com 28 votos a favor e 11 contra além de 8 abstenções, o distrito de Capitão Raul Ocampos Rojas, o Chiriguelo foi emancipado e criada a cidade de Cerro Corá.

O processo de emancipação de estava em tramitação desde o ano passado e com isso Pedro Juan Caballero perde boa parte da sua área territorial. O município de Bella Vista Norte que faz fronteira com Bela Vista também teve sua área reduzida e o novo município já nasce com os distritos de Lorito Picada, Santa Clara, Maria Auxiliadora, Guavirá e várias outras comunidades que estariam dentro da jurisdição de Cerro Corá, o que daria por volta de dez mil habitantes.

O mais novo município do Paraguai não tem um núcleo urbano, sendo constituído praticamente de propriedades rurais e colônias e os críticos do movimento de emancipação alegam que a medida foi uma retaliação do governo federal contra a família Acevedo, que domina a política em Pedro Juan Caballero a mais de duas décadas e adversária do atual presidente Mário Abdo Benitez.

Os defensores da criação de Cerro Corá alegam que o distrito de Chiriguelo e as outras localidades são abandonadas pela prefeitura local e cobravam mais investimentos pelos impostos pagos e pela grande produção agropecuária da região. Já o prefeito diz que todos são tratados de forma igualitária e que ele governa para todos.

Em 2011 já tinha sido emancipado o distrito de Zanja Pytã, entre o distrito de Sanga Puitã em Ponta Porã e que fica do lado esquerdo da rodovia BR 463 entre Dourados e Ponta Porã, que também foi desmembrado de Pedro Juan Caballero. Ainda não há uma previsão de quando vai acontecer a efetivação do novo município, o que só deve acontecer a partir das próximas eleições municipais naquele país.