Agente penitenciário é executado por pistoleiros na fronteira

Agente penitenciário é executado por pistoleiros na fronteira

COMPARTILHAR
Agente sofreu tocaia a caminho do trabalho

Um agente penitenciário que seguia para o serviço foi executado na manhã desta quarta-feira (24) na Vila Aurora em Pedro Juan Caballero. Duilio Florenciani Gonzalez seguia de moto pela Rua Ruiz Diaz de Guzman, quando foi alcançado pelos pistoleiros que dispararam várias vezes contra ele com pistolas 9 milímetros.

Os tiros atingiram principalmente a cabeça de Duilio que morreu na hora. Agentes da Perícia Técnica da Polícia Nacional de Pedro Juan Caballero estiveram no local fazendo os levantamentos e liberando o corpo para a família. Não há pistas sobre os assassinos que fugiram logo depois do crime.