Agronegócio de MS tem despertado atenção no exterior, afirma governador

Agronegócio de MS tem despertado atenção no exterior, afirma governador

COMPARTILHAR
Abertura exposição 2.019. (Foto: Chico Ribeiro)

A produção agropecuária de Mato Grosso do Sul e do Brasil tem despertado investidores estrangeiros, afirmou o governador Reinaldo Azambuja na noite desta quinta-feira (4), durante a abertura da 81ª Expogrande. “Somos competitivos. Temos uma produção forte”, destacou ele. “Mas, precisamos das reformas no Estado brasileiro para que esses investidores se instalem aqui com segurança, podendo gerar trabalho, renda e riqueza”, explicou o governante.

Voltado à classe produtora e política, o discurso de Reinaldo Azambuja foi marcado pelos desafios enfrentados pelo estado brasileiro no desenvolvimento da economia e do agronegócio. Entre eles a reforma da previdência e o “destravamento” logístico.
Realizada no Parque Laucídio Coelho, a abertura da Exposição Agropecuária de Campo Grande, uma das maiores do Centro-Oeste, reuniu os ministros Tereza Cristina (Agricultura) e Gustavo Canuto (Desenvolvimento Regional).

“O agro é o motor da nossa economia. Precisamos de novos mercados para que nossos produtos cheguem no exterior. Estamos trabalhando para que o Brasil continue seu caminho de sucesso no agronegócio”, disse Tereza Cristina.

A ministra pediu responsabilidade na produção. “Vamos continuar progredindo cada vez mais para alimentar a população, colocando saudáveis e baratos na mesa do brasileiro e ainda exportando para mais de 160 países”, destacou ela.

Também participaram do evento o presidente da Acrissul, Jonatan Barbosa; o secretário especial de Assuntos Fundiários do Ministério da Agricultura, Luiz Antônio Nabhan Garcia; e a vice-presidente da Caixa Econômica, Tatiana Thomé.

Fonte: Governo do Estado