Antes de matar, adolescente tentou violentar menino em Nova Andradina

Antes de matar, adolescente tentou violentar menino em Nova Andradina

COMPARTILHAR
Delegado Novelli, responsável pelo caso (Foto:Marcos Donzeli)

O delegado do 1º Distrito Policial de Nova Andradina, André Luiz Novelli Lopes, afirmou há pouco em entrevista coletiva que o adolescente apreendido ontem confessou o assassinato de Vitor Figueiredo Rodrigues Peixen, de 10 anos. Ainda nesta quarta-feira, conforme o delegado, ele será transferido Dourados.

Novelli disse que o indivíduo de 17 anos não tinha antecedentes criminais e será internado na UNEI Laranja Doce onde ficará à disposição da Justiça. Vitor estava desaparecido desde a manhã de domingo e o corpo dele foi encontrado ontem cedo em cima de uma casa ao lado da casa do pai do acusado.

Segundo o delegado, o adolescente contou que tinha passado a noite de sábado em uma festa e que ao chegar na manhã de domingo para dormir na casa do pai, que não estava no local, encontrou com o garoto que seguia para a casa da avó. Ele atraiu o menino para dentro da casa com a promessa de dar a ele um tênis e que despiu a vítima e tentou violentá-lo, mas que Vitor começou a se debater a e gritar por socorro e ele acabou por estrangulá-lo.

Quando viu que o menino estava morto não quis deixar o corpo na casa do pai e por isso colocou em cima da casa da vizinha onde ele foi encontrado. Novelli descartou a participação de outra pessoa no crime e disse que o caso está encerrado. O corpo de Ivan foi enterrado ontem no Cemitério Municipal de Nova Andradina.

Com MSemfoco