Apurando denúncia de tráfico em lava rápido, SIG apreende maconha e cocaína.

Apurando denúncia de tráfico em lava rápido, SIG apreende maconha e cocaína.

COMPARTILHAR

Durante operação realizada para apurar denúncia de venda de drogas em um lava rápido localizado no Jardim Água Boa, investigadores do SIG da Polícia Civil em Dourados, encontraram “camuflados” em um sofá no escritório do estabelecimento, dois tabletes de maconha pesando cerca de três quilos da droga.

Felipe, experiente.

Por conta da apreensão da droga, o proprietário do lava rápido, Felipe Augusto Oliveira Costa (23), foi preso em flagrante por tráfico de droga. Em continuidade às diligências, na casa de Felipe o SIG apreendeu 28 gramas de cocaína com alto teor de pureza, além de várias porções de maconha.

Felipe, que já havia cumprido pena por tráfico de drogas, foi atuado em flagrante pela prática desse crime, sendo representado pela decretação da sua Prisão Preventiva. Ainda hoje ele deve ser recambiado para a Penitenciária Estadual de Dourados. Os investigadores apuram agora quem seriam os fornecedores que atendem Felipe, ou se ele próprio se encarregava de buscar as drogas na fronteira.