Artigo do Centro de Inovação do Sesi sobre construção civil recebe menção...

Artigo do Centro de Inovação do Sesi sobre construção civil recebe menção honrosa

COMPARTILHAR

O artigo científico “Virtualização na Construção: Aplicações na Gestão de Saúde e Segurança do Trabalho”, elaborado pelo time de pesquisadores do Centro de Inovação do Sesi de Mato Grosso do Sul, recebeu uma menção honrosa na 15ª edição do Simpósio de Excelência em Gestão em Tecnologia (SEGeT), realizado de 30 de outubro a 1º de novembro, no campus da Associação Educacional Dom Bosco (AEDB), em Resende (RJ).

O artigo foi apresentado na quinta-feira (31) pelo engenheiro-civil Adriano Macedo, que é um dos pesquisadores do Centro de Inovação do Sesi de Mato Grosso do Sul, e classificado entre os 20 melhores do Simpósio. O trabalho aborda um novo conceito em gestão da Saúde e Segurança do Trabalho, que se distancia dos sistemas tradicionais de gestão.

“A ideia é trazer elementos de virtualização e visualização para os novos sistemas, possibilitando muito mais interatividade e relação entre os operadores do sistema e a forma como a gente gerencia a informação”, disse Adriano Macedo, explicando que o Simpósio de Excelência em Gestão em Tecnologia é considerado referência na área no Brasil.

Segundo o pesquisador, participar do Simpósio proporciona a oportunidade de consolidar o conhecimento científico produzido pelo Centro de Inovação do Sesi do Estado. “Para fomentar e desenvolver novas soluções que possam ser implementadas nas indústrias”, afirmou, completando que, ao longo dos 15 anos, o SEGeT contou com mais de dez mil participantes de todas as regiões do País.

Seminário

Na semana passada, o Centro de Inovação do Sesi de Mato Grosso do Sul, por meio de Adriano Macedo, também marcou presença no “Seminário A Indústria da Construção Civil e a 4ª Revolução Industrial”, que foi realizado durante a FINNEC (Feira da Construção do Norte e Nordeste), em Salvador (BA). O engenheiro-civil apresentou o projeto BIM (Building Information Modeling), aplicado à saúde e segurança do trabalho na construção civil.

Desenvolvido pelo Centro de Inovação do Sesi de Mato Grosso do Sul, o BIM direcionado à construção civil permite antecipar riscos e prevenir acidentes em um canteiro de obras. Diferente do desenho usual em 2D, a modelagem com o conceito BIM trabalha com modelos 3D mais fáceis de assimilar e mais fiéis ao produto final.

Adriano Macedo comentou que a participação na FINNEC foi uma oportunidade de apresentar o potencial do projeto do Centro de Inovação. “O painel que apresentei, abordei a Indústria 4.0 e aplicações em saúde e segurança do trabalho (SST). O público da feira abrange toda a cadeia da indústria da construção, e tem como objetivo promover a integração da indústria, comércio e serviços da construção com engenheiros, arquitetos, construtores, profissionais especializados, não apenas no Estado da Bahia, mas de todo o Norte e Nordeste do Brasil”, finalizou.

Com Assessoria