Assaltante morto ao roubar caminhão não tinha passagem pela polícia

Assaltante morto ao roubar caminhão não tinha passagem pela polícia

COMPARTILHAR
"Tubarão" morreu na casa dele.

A Polícia Civil identificou como Douglas Pessuto Filho, de 28 anos, o “Tubarão”, o homem que no fim de semana acabou morto quando roubava um caminhão através do chamado “falso frete”. Ele não tinha nenhuma passagem pela polícia.

Foram vária tratativas sempre por telefone, até que o caminhoneiro chegasse em Campo Grande no sábado, encontrando o “cliente” no Jardim Carioca, região onde deveria pegar a mudança. Assim que “Tubarão” e o comparsa embarcaram no caminhão, ele logo encostou a arma na barriga do caminhoneiro avisando que este havia perdido o caminhão.

Dai para a frente foram algumas quadras em dialogo até que o caminhoneiro entrasse em luta corporal com os ladrões. Em meio a luta, ladrão e vítima caíram do veículo em movimento com a luta continuando no chão, até que a arma do bandido disparasse e ele baleado na barriga morresse em seguida, no banheiro da casa onde morava e supostamente manteria o motorista refém enquanto outros comparsas levassem o caminhão.