Assassino de professor enfrenta Polícia Militar e é morto em Nova Casa...

Assassino de professor enfrenta Polícia Militar e é morto em Nova Casa Verde

COMPARTILHAR

Autor de assassinato de um diretor de escola e esfaqueamento de um colega de aula, Jonas Lázaro Gonçalves Bonfim, (26), morador no distrito Nova Casa Verde, a 56 quilômetros de Nova Andradina, morreu na madrugada desta quarta-feira (19) ao enfrentar a Polícia Militar com uma pistola 9 milímetros. Conforme informações, policiais militares de Força Tática tentaram abordar Jonas na borracharia onde ele prestava serviço e tocaria um ponto de drogas, mas ele reagiu lançando uma mesa contra os policiais e sacando a arma para outro, quando foi contido com dois tiros no peito, chegou a ser socorrido, mas não resistiu. Na borracharia, a polícia apreendeu a arma e muita munição de diferentes calibres.

Violento desde a adolescência, Jonas Lázaro com 16 anos, no dia 28 de junho de 2012 assassinou a tiros o professor e diretor Delmiro Salvione Bonin, 55 anos, crime pelo qual chegou a ficar apreendido menos de dois anos na Unei Laranja Doce de Dourados. Ele matou o professor e diretor da Escola Municipal Luís Claudio Josué, localizada no distrito de Nova Casa Verde.

No mesmo ano ele havia esfaqueado um aluno e por conta disso o diretor aplicou algumas normas de disciplina para o aluno, o que não lhe agradou e planejou o crime. Atualmente ele trabalhava na borracharia. O episódio em que Jonas acabou morto, ocorreu durante ação de combate ao tráfico de entorpecentes em Nova Casa Verde. De acordo com a polícia, a borracharia estaria funcionando como ponto de venda de drogas liderado por Jonas, que ao ser surpreendido reagiu e acabou morto. O episódio ainda está em atendimento e apuração pela Polícia Civil de Nova Andradina.