Atentado com um morto e um ferido em Ponta Porã pode ser...

Atentado com um morto e um ferido em Ponta Porã pode ser a mando do PCC

COMPARTILHAR
Rodrigo morreu na hora crivado de balas calibre 40,

Redação

Um jovem de 18 anos morreu e outro ficou ferido depois que homens chegaram atirando contra eles na tarde deste sábado. O crime aconteceu na rua Wilson de Oliveira no Conjunto Residencial Ponta Porã 2.

De acordo com as primeiras informações levantadas pela polícia, na noite passada Rodrigo Magalhães Valenzuela de 18 anos e Kennedy Lopez teriam se envolvido em discussão com alguns homens ao defenderem uma mulher que era vítima de violência doméstica. Um dos envolvidos, conhecido como “Talibam” e que seria membro de facção criminosa que domina a fronteira, teria avisado que mataria ou mandaria matar os dois. Testemunhas disseram que eles foram baleados pelos mesmos envolvidos na briga de ontem.

Rodrigo morreu na hora e Kennedy Lopez foi socorrido por populares e levado para o Hospital Regional de Ponta Porã. No perfil dele no Facebook a mãe postou uma foto do filho aguardando atendimento e escreve “Oii gente atiram no meu filho reza por ele por favor peço por favor”. (sic)

A polícia apura ainda informação de que três pessoas seriam alvos do atirador. A terceira, proprietário do veículo ocupado pelas vítimas e que também teria participado da briga na noite anterior.

O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas quando chegaram ao local Kennedy já tinha sido socorrido e Rodrigo estava morto dentro de um veículo. Kennedy está internado sob escolta policial no Hospital Regional e deverá passar por cirurgia, mas segundo informações, o quando dele é estável. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil e policiais militares fazem rondas em buscas dos suspeitos.

Rodrigo, de acordo com informações possui vasta ficha criminal com passagens pela polícia por envolvimento ou autoria em crimes na região. A Polícia Civil segue ouvindo pessoas na tentativa de esclarecer o crime.

Rodrigo tinha problemas na polícia.