Barreiras Sanitárias abordaram mais de 8 mil pessoas no primeiro dia na...

Barreiras Sanitárias abordaram mais de 8 mil pessoas no primeiro dia na Capital

COMPARTILHAR
Barreiras seguem até hoje. Foto: Divulgação/PMCG

No primeiro dia de operação, as barreiras sanitárias instaladas pela Prefeitura de Campo Grande em cinco pontos das principais entradas do município abordaram, apesar de atuarem apenas no período diurno e de forma intercalada, mais de 8 mil pessoas em aproximadamente 4,4 mil veículos, a maioria de municípios do interior e de outros estados.

O objetivo da ação que segue até esta quarta-feira (27) é orientar motoristas e passageiros sobre as medidas de prevenção do coronavírus (Covid-19), além de identificar e realizar a testagem nos possíveis casos suspeitos.

Conforme os dados divulgados pela Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), ao todo foram abordados 4.494 veículos e 8.199 pessoas avaliadas, sendo que vinte e duas apresentaram ou relataram sintomas da doença, como febre, dor de cabeça e coriza e 13 realizaram teste rápido para detectar a presença do vírus. Não houve nenhum resultado positivo.

A abordagem consiste na aferição de temperatura corporal, aplicação de formulários para casos assintomáticos e sintomáticos para Covid-19, além de orientação sobre as medidas de prevenção da Covid-19. Os veículos ainda passam por um processo de desinfecção dos pneus antes de seguir viagem.

Caso seja detectado o estado febril, um dos sintomas do coronavírus, o motorista ou passageiro realizará o teste rápido. A ação acontece também em parceria com as 17 barreiras já instaladas nas fronteiras pelo governo do Estado. Ao passar por uma dessas fronteiras, o motorista recebe um adesivo, sendo liberado pela barreira sanitária.

A operação que teve início ontem (27) envolve mais de 200 pessoas e conta com apoio da Agência Municipal de Transporte e Trânsito, Guarda Civil Metropolitana, Polícia Rodoviária Federal, Departamento Estadual de Trânsito, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros.

Fonte: PMCG