Bolsonaro: protesto contra STF “está mais para Maduro do que para Jair”

Bolsonaro: protesto contra STF “está mais para Maduro do que para Jair”

COMPARTILHAR

Ao responder sobre as manifestações que apoiadores organizam para o próximo dia 26, que inclui protesto contra o Supremo Tribunal Federal (STF), o presidente Jair Bolsonaro afirmou que espera “não ter nenhum infiltrado de camisa verde e amarela, com faixa pedindo para fechar o STF”. A declaração foi dada durante café da manhã com jornalistas nesta quinta-feira (23).

Bolsonaro foi incisivo ao se opor a um protesto contra a Suprema Corte: “Quem estiver com essa pauta, estará na manifestação errada. Não fará bem ao Brasil”, fazendo uma comparação de pedidos desse tipo ao regime de Nicolás Maduro na Venezuela: “Um pedido desses está mais para Maduro do que para Jair Bolsonaro. Quem fala em fechar o STF não está alinhado com a minha política”, ressaltou.

A manifestação do dia 26 vem causando polêmica entre vários grupos que apoiaram o presidente Bolsonaro. Alguns usaram suas redes sociais chamando para o ato e incluíram entre os temas protestos contra o STF e o pedido de impeachment dos ministros Gilmar Mendes e Dias Toffoli, atual presidente do Supremo.

O Movimento Brasil Livre, do deputado Kim Kataguiri (DEM-SP); a deputada estadual paulista Janaína Paschoal (PSL), o Vem pra Rua e outros, desistiram de participar. O presidente Bolsonaro não irá ao evento, mas acredita que será um ato em apoio ao governo e às reformas.

Fonte: Correio Braziliense