BPMChoque desmonta quadrilha de furtos em residências e escritórios

BPMChoque desmonta quadrilha de furtos em residências e escritórios

COMPARTILHAR
Parte de bens furtados pelo bando e recuperados pela polícia.

Em uma ação que começou na manhã de ontem e só terminou na madrugada de hoje (8), equipes do Batalhão de Choque da Polícia Militar, desmontaram uma quadrilha de ladrões que vinha agindo em diferentes pontos de Campo Grande. O bando após levantamento prévio, arrombava residências e escritórios furtando o que fosse possível carregar, sendo utilizado um veículo Classic para transporte dos quadrilheiros e objetos furtados.

Até o momento três indivíduos estão presos Lucas (18), Mário (19) e Reinaldo, de 39 anos. O grupo contaria com mais integrantes envolvidos tanto nos furtos como receptação, os quais podem ser presos a qualquer momento.

Bando atacando

Policiais do BPMChoque chegaram aos autores depois de alertados via telefone de que indivíduos usando luvas e no veículo Classic prata placas HTF-5395 arrombaram um escritório no Itanhangá Parque. Imagens de segurança mostraram a ação dos ladrões que passaram a ser procurados por equipes do Choque que ainda durante rondas de buscas, receberam mais informações de outros furtos pelo mesmo bando, desta vez na região da UCDB.

Algum tempo depois uma das equipes em patrulhamento e buscas no bairro Tiradentes, avistou o Classic indicado estacionado em uma residência na Rua Francisco Lopes da Silva. No veículo que estava aberto, os policiais constataram vários produtos de furto e também duas chaves de fenda utilizadas para arrombar portões.

Em contato com a moradora, esta informou que seu filho tinha chegado recentemente com o veículo, sendo que entrevistado, Mário acabou confessando a trama dos furtos e que tinha mais três parceiros nos furtos e tentativas pela cidade.

Como não sabia dizer o endereço dos colegas, ele levou os policiais ao primeiro que levou ao segundo e dali todos foram apanhados por diferentes equipes. “Reunidos”, confessaram os furtos e passaram a apontar aos policiais os locais onde agiram sendo vítimas acionadas, objetos recuperados e todos encaminhados para a Polícia Civil na Depac-Centro onde assinaram flagrante acrescentado de alguns agravantes.

Carro utilizando pela quadrilha.