Choque da PM e Gaeco aprendem quase 3 toneladas de maconha na...

Choque da PM e Gaeco aprendem quase 3 toneladas de maconha na Capital

COMPARTILHAR
Mulher "guardava" um paredão de maconha em casa.

Quase três toneladas de maconha foram apreendidas no final da tarde dessa quarta-feira (1), em ação conjunta entre equipes do Batalhão de Choque da Polícia Militar e Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado-GAECO, em Campo Grande. Um homem e uma mulher foram presos em flagrante e um terceiro indivíduo, supostamente o dono do carregamento, é procurado pela polícia.

Apurando informações de que na Rua Cinquenta, na Nova Campo Grande, uma casa seria depósito de drogas, equipe do BPChoque avistou dois indivíduos saindo da casa em um Ford Ka branco, não sendo possível realizar a abordagem, mas, foi verificado que o indivíduo Pedro, de 26 anos, desembarcou na Vila Eliane, sendo em seguida abordado.

Questionado se o local de onde saiu seria depósito de drogas, ele disse que a casa era de Larissa, sua namorada de 21 anos, mas que ele nada tinha com a droga, pois seria da namorada, apontando que ela estaria no Lar do Trabalhador. A mulher foi em seguida localizada, quando disse aos policiais que receberia R$ 5 mil pela guarda da droga em sua casa.

A quantidade da droga era tamanha, que além do odor ser sentido à distância, bastava olhar por cima do muro para ver o “paredão” de maconha em um quarto dos fundos. Os policiais apuraram que a droga foi deixada na casa de Larissa por indivíduo conhecido como “Maxixe”, mas apesar de buscas, Michael Douglas não foi localizado. A droga pesou 2.950 quilos, representando um prejuízo de aproximadamente R$ 5 milhões ao crime organizado. O casal foi preso e autuado em flagrante.