CHOQUE da PM prende dupla que usava pistolas assustando moradores

CHOQUE da PM prende dupla que usava pistolas assustando moradores

COMPARTILHAR

A partir de denúncia popular, equipe do Batalhão de Choque da Polícia Militar prendeu em pontos diferentes de Campo Grande, dois homens com passagens pela polícia, um deles com mandado de busca e apreensão e outro de homicídio, os quais se exibiam com pistolas gerando temor aos moradores principalmente dos bairros Caiobá e São Jorge da Lagoa. Alegando rixas, um dos indivíduos possui três residências em extremos diferentes da cidade.

Conforme a denúncia, a dupla circulava em um Gol vermelho exibindo as armas e uma delas teria sido usada em homicídio no Bairro Nova Lima. A princípio a dupla foi identificada através de informações como “Luquinhas” e “Corumbá”.

Na madrugada dessa quarta-feira (10) uma equipe em patrulhamento na região da denúncia avistou um Gol vermelho com características conforme as denúncias, assim como o condutor, Lucas Gabriel, 20 anos. Confirmado ser um dos apontados, “Luquinhas” disse ter se mudado recentemente para o bairro Caiobá, e também mora em outra residência no bairro Piratininga além de eventualmente na casa da mãe, no Jardim Panorama, confirmando ainda a posse da arma calibre 380, que havia enterrado na casa da mãe.

Após a apreensão da pistola e munições, acompanhados de “Luquinhas” os policiais do Choque foram na casa de “Corumbá” – Pedro Henrique – 19 anos. Ao ser chamado ele atendeu prontamente, mas ao perceber que era o Choque, tentou correr para dentro da casa, sendo abordado.

A pistola de “Corumbá” estava em um móvel e foi apreendida. Ambos alegaram ter comprado as armas por temerem serem mortos por inimigos em razão de problemas anteriores, sendo que Lucas diz que pagou R$ 3,5 e Pedro Henrique R$ 4 mil pelas armas, sendo que o carro seria de um amigo que “Luquinhas”. Veículo, armas, munições e a dupla foram entregues da Polícia Civil onde foram autuados.