DECO prende falsário que agia em bancos de Campo Grande

DECO prende falsário que agia em bancos de Campo Grande

COMPARTILHAR

Investigadores da Delegacia Especializada de Combate ao Crime Organizado – DECO prenderam em flagrante nesta quinta-feira (17), o golpista Ademir Neves Dutra. Ele foi autuado enquadrado em estelionato, falsidade ideológica, uso de documento falso e falsificação de documento público.

A especialidade ou alvos favoritos de Ademir eram agências bancárias em Campo Grande onde fazia abertura de contas e movimentações bancárias se valendo de dados falsos. Os policiais da DECO apreenderam farta documentação falsa e materiais para a falsificação de documentos.

A investigação liderada pela delegada Ana Cláudia Medina, ainda revelou que Ademir conta com passagem criminal respondendo por tráfico de entorpecentes. A prisão em flagrante, no entanto, não impede a continuidade de investigações da DECO sobre o indivíduo, diante da possibilidade que existam mais golpes a serem esclarecidos.

Matador de policial

Outro capturado por policiais da Delegacia Especializada de Combate ao Crime Organizado – DECO, foi Jackson de Oliveira Ferreira o “Pequeno”. Segundo a polícia, com extenso histórico de crimes entre os quais tráfico de drogas, Jackson é autor do assassinato que vitimou o policial civil Nelson Costa Júnior, o Canu, crime ocorrido em novembro de 2006.

Jackson é conhecido integrante da facção Primeiro Comando da Capital – PCC, e no cumprimento de seu mandado de prisão, os policiais da DECO surpreenderam “Pequeno” traficando cocaína, sendo apreendida, além do entorpecente, uma balança de precisão. Após autuação ele foi reconduzido ao sistema penitenciário para cumprimento de sua condenação.