Delegado Geral da Policia Civil participa da 52ª Reunião do Conselho Nacional...

Delegado Geral da Policia Civil participa da 52ª Reunião do Conselho Nacional dos Chefes de Polícia

COMPARTILHAR
Vargas (3º a direita) membro do Conselho. ((Foto: Divulgação)

O Delegado Geral da Polícia Civil de Mato Grosso do Sul, Marcelo Vargas Lopes, participou nesta quinta-feira (22), da 52ª Reunião Ordinária do Conselho Nacional dos Chefes de Polícia (CONCPC). Das 27 unidades federativas, 25 enviaram os delegados-gerais de suas respectivas polícias judiciárias.

A agenda foi marcada por temas relativos aos dois principais temas que têm dominado as discussões no âmbito do CONCPC nos últimos anos: padronização e crescente integração institucional. Inicialmente, o presidente do Conselho, Emerson Wendt, delegado-geral da Polícia Civil do Rio Grande do Sul, presidiu a eleição do vice-presidente da Regional Norte da instituição. Em seguida, tratou-se, em devolutiva, da padronização das carteiras funcionais e da identidade visual das polícias civis de todo o país.

Também procedeu-se a devolutiva atinente à estruturação das polícias judiciárias estaduais para o combate à corrupção e à lavagem de dinheiro. Já no final da manhã de trabalhos, o superintendente de Polícia Judiciária de Goiás e coordenador do Grupo Tático 3 (GT-3), delegado André Ganga, realizou apresentação na qual se comunicou a criação do Comitê Nacional dos Comandos das Operações Especiais das Polícias Civis.

Em discussão de caráter colegiado, foi discutida a autonomia da Polícia Civil. No início da tarde, Sandra Mara e Jeremias dos Santos, da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), apresentaram o trabalho Sistemas de Comando e Controle: CICCN e Apoio às Operações Integradas das Polícias Civis.

Em seguida, os conselheiros debateram acerca da criação do Fórum Brasileiro de Investigação Criminal e Gestão de Polícia Judiciária. Também foi apresentada uma proposta de resolução com vistas à criação do Comitê Nacional dos Diretores-Gerais das Academias de Polícia Civil (CONDAPC).

Os trabalhos do primeiro dia foram encerrados com apresentação, por Guilherme Daré, delegado-geral da Polícia Civil do Espírito Santo, de projeto de padronização da identidade visual das Polícias Civis de todo o Brasil.