Dois trabalhadores morrem em explosão em cooperativa no Paraná

Dois trabalhadores morrem em explosão em cooperativa no Paraná

COMPARTILHAR

Uma explosão matou duas pessoas na Cooperativa Agroindustrial de Maringá (Cocamar), no interior do Paraná, durante visita do ex-juiz Sergio Moro. O acidente em um tanque de fluídos de diesel ocorreu no início da manhã desta sexta-feira (4).

Pré-candidato à Presidência, Moro discursava na sede administrativa da Cocamar e, ao saber do acidente que ocorreu na parte fabril da cooperativa, interrompeu a visita e prestou solidariedade às vítimas. O ex-juiz estava acompanhado do ex-ministro Xico Graziano e do senador Álvaro Dias (Podemos-PR), presidente da sigla de Moro. Em nota, Moro lamentou a morte dos trabalhadores e prestou solidariedade aos funcionários da cooperativa.

A explosão

A explosão ocorreu por volta de 11h na Estação de Tratamento de Efluentes da Cocamar. De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, as duas vítimas trabalhavam na montagem de uma estrutura na planta industrial da cooperativa, e acabaram utilizando solda em um tanque de efluentes de biodiesel, o que gerava uma atmosfera explosiva.

Com a violência da explosão, os trabalhadores e o reservatório foram lançados a aproximadamente 20 metros do local original. Ainda segundo o Corpo de Bombeiros, as vítimas tinham 32 e 36 anos. Ainda conforme o Corpo de Bombeiros, técnicos de segurança da empresa disseram que não foi permitida a realização da solda.