Douradense é preso no interior paulista com mais de 8 toneladas de...

Douradense é preso no interior paulista com mais de 8 toneladas de maconha

COMPARTILHAR
Carga recorde para a PM paulista

Antônio Coca

A Polícia Militar Rodoviária de São Paulo fez ontem a maior apreensão de maconha do ano. Policiais do Tático Ostensivo Rodoviário (TOR), abordaram na Rodovia Presidente Castelo Branco, município de Itatinga, uma carreta com placas de Dourados conduzida por um homem de 32 anos. Durante a vistoria na carga de grãos os militares encontraram centenas de fardos de maconha.

O motorista disse que carregou milho em uma cerealista de Dourados e depois foi para Ponta Porã onde traficantes retiraram parte do milho e no local colocaram 8 toneladas e 73 quilos de maconha. Ele teria esperado algum tempo e recebido a carreta já preparada para seguir viagem para o estado de São Paulo.

O motorista disse ainda que não conhecia as pessoas que o contrataram e que estava sendo orientado por telefone celular por batedores e que possivelmente o destino final seria a capital paulista.

De acordo com o delegado da Polícia Civil de Botucatu, José Sérgio Palmieri Júnior, encarregado do flagrante, a droga estava sendo transportada em uma carreta cavalo mecânico Mercedes Benz placas GLA-3C37/MS de Dourados e semi reboque placa JZK-0G04/MS, também de Dourados. Foi apreendido com o motorista um telefone celular e certa quantia em dinheiro.

O motorista que não teve o nome divulgado foi levado para o Centro de Detenção Provisória de Itatinga. Através de uma mensagem no Twitter, O governador paulista, João Doria parabenizou os policiais pela apreensão.