Em 4 dias, SENAD destruiu 80 hectares de droga do crime organizado

Em 4 dias, SENAD destruiu 80 hectares de droga do crime organizado

COMPARTILHAR

A Operação Capitão Bado, da Secretaria Nacional Antidogras do Paraguai, aumentou o volume de apreensão e erradicação de plantações de maconha nas matas do Departamento de Amambay. Em quatro dias de operação intensa, 80 hectares de maconha foram localizados e destruídos com apoio de helicóptero da Força Aérea no transporte do grupo de operações. Foram tiradas de circulação, 247 toneladas de maconha.

Os últimos trabalhos possibilitaram a destruição de cerca de 25 acampamentos que abrigavam parte da logística para produção de drogas. Já a movimentação por terra possibilitou a incineração de 7.330 quilos de maconha a granel e 510 quilos de prensada.

A Operação Capitão Bado não terminou e a previsão é que Forças da SENAD, permaneçam na área por mais alguns dias, coordenando a vigilância em terras próximas à fronteira com o Brasil, de onde as organizações criminosas comandam a recepção do produto. De acordo com as autoridades, a ação gerou prejuízo de pelo menos 7,4 milhões de dólares ao crime organizado.

Vários acampamentos na mata.