Em atendimento a acidente Bombeiros são atacados, um deles ferido e agressor...

Em atendimento a acidente Bombeiros são atacados, um deles ferido e agressor preso

COMPARTILHAR
Acalmado e algemado, Hosny foi entregue na delegacia.

Ao se insurgir contra socorristas do Corpo de Bombeiros que atendiam ocorrência de acidente de trânsito no Bairro Dom Antônio Barbosa e agredir um dos socorristas com cabeçada, um indivíduo foi preso por conta da agressão e resistência. Os Bombeiros ainda descobriram que ele era procurado pela Justiça através de dois mandados de prisão em aberto. Está preso Hosny Marzon Gil, de 28 anos.

No início da tarde o Corpo de Bombeiros foi acionado para atendimento a um acidente na Rua Anselmo Selingardi esquina com Manuel M. Rodrigues. Uma equipe de Resgate chegou ao local onde as vítimas seriam Hosny e a mulher dele, mas os socorristas foram dispensados mediante recusa de atendimento pelas supostas vítimas.

Assim que a equipe deixou o local, a central dos Bombeiros – 193 – voltou a ser acionada pois uma das vítimas resolveu que precisava de socorro. Foram então enviados dois motociclistas socorristas para o primeiro atendimento até a chegada de uma ambulância.

Quando os socorristas atendiam a mulher de Hosny esse passou a criar problemas atrapalhando o serviço e desacatando os Bombeiros. Advertido o indivíduo seguiu com as provocações até que recebeu voz de prisão.

Sem obedecer a ordem ele intensificou as ofensas e tentou fugir para dentro de casa e no momento em que foi alcançado entrou em luta corporal com os Bombeiros ferindo o rosto de um deles com uma cabeçada. A situação ficou complicada no local começando um tumulto com populares em defesa do indivíduo, sendo chamado apoio aos Bombeiros.

Policiais militares chegaram rapidamente ao local contendo o princípio de tumulto e imobilizando Hosny. Ao ser checado, teve o problema ampliado com a constatação de dois mandados de prisão, sendo em seguida encaminhado para autuação na Depac Piratininga e cumprimento dos mandados.