Festa na madrugada no Estrela do Sul acaba em briga e morte...

Festa na madrugada no Estrela do Sul acaba em briga e morte a facada

COMPARTILHAR
Imagem ilustrativa

Uma discussão ocorrida na madrugada de hoje por causa de celular na festa realizada em uma residência no Bairro Estrela do Sul, acabou em assassinato. A vítima chegou a ser socorrida por amigos, mas morreu durante atendimento na UPA Coronel Antonino. A promotora e dona da casa onde ocorria a festa em pleno horário de toque de recolher, fugiu assim como o autor do assassinato.

Marcelo Augusto de Araújo Cavalaro, 18 anos, foi morto com golpe de faca no lado esquerdo do peito. O caso foi atendido por policiais militares, sendo apurado que vítima e várias outras pessoas participavam de uma festa na rua Balsas, Conjunto Estrela do Sul, residência de Julia Benitez.

Por volta de 2h30, houve um desentendimento dentro da casa entre Marcelo e um indivíduo morador no bairro e conhecido como “Ximba”, por conta do sumiço do celular Marcelo. Em meio a confusão e intervenção dos demais participantes, foram resolver a questão na rua onde em frente a uma pizzaria os dois acabaram brigando. “Ximba” que estava armado com uma faca, aplicou violento golpe no peito da vítima e em seguida fugiu. Ao atender o caso a equipe da PM constatou que além de “Ximba” a dona da casa onde ocorria a festa, também havia sumido.

Tentativa

Em outro caso de crime contra a vida neste domingo (27), um homem que com dificuldades se identificou como André Souza, 19 anos, morador no Jardim Canguru, foi vítima de tentativa de homicídio a golpes de facão, quando estava na rua Iracemápolis, no Jardim Centro Oeste.

O caso inicialmente era atendido pelo SAMU, mas os socorristas precisaram se afastar e aguardar a chegada da Polícia Militar em razão de tumulto no local. Contornado o tumulto o homem foi socorrido e encaminhado em estado crítico para a Santa Casa com lesões profundas na cabeça, pescoço, face e olhos quase arrancados por golpes com facão.

Apesar do grande número de pessoas tumultuando no local, ninguém soube dizer o que teria ocorrido ou apontar a autoria do crime. A vítima segue internada.