Força Tática da PM faz mais apreensões de drogas na Capital

Força Tática da PM faz mais apreensões de drogas na Capital

COMPARTILHAR

Equipes de Força Tática da Polícia Militar seguem fazendo diversas apreensões de drogas e prisão de traficantes em Campo Grande. Só na noite desse sábado foram duas prisões, sendo que em uma delas mais uma vez foi constatado o comando do tráfico em pequena ou grande monta, partindo do Presídio de Segurança Máxima na Capital.

No final da noite a Força Tática recebeu informação anônima indicando que uma mulher faria uma entrega de grande quantidade de entorpecente em frente sua residência, na rua Nhamundá, Jardim Colúmbia. Na região a equipe avistou uma mulher com as características apontadas na denúncia parada na equina e com uma sacola em mãos.

Leiciele dos Santos Maior (23), era a mulher apontada na denúncia, sendo que na sacola que carregava estavam dois tabletes pesando quase dois quilos de maconha. Ela relatou que iria entregar a droga a um desconhecido, sendo que os tabletes eram sobra de uma carga de 50 quilos que estavam guardados em sua casa onde ainda havia uma pequena porção. Na casa os policiais constataram o relato encontrando a pequena quantidade de maconha e materiais para preparo de embalagens de entorpecentes.

Questionada sobre a situação, a mulher relatou agir a mando de um interno da Máxima e que recentemente “guardou” a mando desse interno, 50 quilos de maconha entregues, por ordens dele, a um indivíduo com veículo Fox preto, sendo que ganharia R$ 1 mil pela guarda da droga. Foi autuada em flagrante na Depac-Centro.

Mais drogas

Outra apreensão ocorrida na noite de sábado aconteceu na Avenida Consul Assaf Trad, quando policiais de Força Tática do 9º BPM (Batalhão de Polícia Militar) abordaram um ônibus da empresa São Luiz da linha Campo Grande/Goiânia para vistoria a bagagens e passageiros. Na bagagem de mão de Alany Silva Soares (18), os policiais encontraram vários tabletes de maconha, assim como em sua mala no bagageiro com toda a droga presando 14,4 quilos de maconha além de porções de cocaína acondicionadas junto aos pacotes na mala.

A mulher disse ter sido contratada em Goiânia para receber e pagar a droga e levar de volta para alguém que ele não conhecia. Falou ainda ter chegado na quinta-feira se hospedando na casa de uma amiga até receber a droga e voltar para sua cidade. Também foi autuada em flagrante na Depac-Centro sendo as drogas apreendidas entregues na Denar.