Fuzilado no Paraguai tinha veículo com fundo falso além de drogas...

Fuzilado no Paraguai tinha veículo com fundo falso além de drogas e metralhadora

COMPARTILHAR
Não teve tempo de pegar o veículo.

A Polícia Nacional do Paraguai encontrou mais um capítulo que “ilustra” a execução do mecânico Gerardo Vega Morinigo, (25), em Pedro Juan Caballero na noite de terça-feira (30). Depois de encontrar drogas, balanças e uma metralhadora na casa dele, agora a polícia apreende uma caminhonete preparada com fundo falso, característica de veículo usado no tráfico de drogas.

A descoberta ocorreu, de acordo com o comissário Jorge Vidallet, subchefe do Departamento de Investigação Criminal, depois que um mecânico procurou a Base de Investigações, relatando que Gerardo tinha levado uma caminhonete para reparo, e como morreu, o mecânico não sabia o que fazer.

Com base no que vem sendo descoberto sobre o falecido, o comissário solicitou uma ordem para busca no veículo, descobrindo um fundo falso, possivelmente para transportar drogas ou armas em grande quantidade. O veículo foi apreendido, restando ao dono da oficina o prejuízo por não receber o serviço.

Metralhadora

Na investigação sobre a morte de Gerardo, agentes da Polícia Nacional já haviam encontrado na casa dele, uma metralhadora, munição, drogas, balanças de precisão e materiais para preparo e venda de entorpecentes. A polícia segue investigando a autoria da execução.