GCM aperta cerco pelo Toque de Recolher em Campo Grande

GCM aperta cerco pelo Toque de Recolher em Campo Grande

COMPARTILHAR
Comerciantes e clientes estão obedecendo sem porblas.

A Guarda Civil Metropolitana de Campo Grande – GCM, intensifica suas ações de fiscalização, orientação e quando necessário ação enérgica para o cumprimento do decreto 19.234 que entre outras ações preventivas, determina o toque de recolher. As ações da GCM ocorrem 24 horas por dia, mas são intensificadas no período noturno, por conta da guerra contra o coronavírus.

Só na noite deste domingo (19), equipes da GCM atuaram com maior intensidade no “Toque de Recolher” nas Regiões Anhanduizinho, Bandeira, Centro, Imbirussu, Lagoa, Prosa e Segredo. A atuação constituiu em patrulhamento motorizado e a pé.

Foram empenhados mais de 30 Guardas Civis Metropolitanos 13 viaturas entre motocicletas e 4 rodas.  16 estabelecimentos comerciais foram orientados a fecharem as portas e encerrar atendimento. O importante da operação na avaliação das equipes, é que nenhum proprietário apresentou resistência ou algum tipo de reclamação. 58 pessoas foram abordadas e orientadas a voltarem e permanecerem do lado de dentro de suas residências.

Além das equipes em fiscalização a comércio e pessoas, foram mobilizados agentes atuando na fiscalização de trânsito. Ao final do trabalho, já terminando a madrugada, cinco motocicletas foram removidas ao pátio do Detran, emitidas 13 notificações sendo 5 por falta de habilitação, 3 por entregar veículo a pessoa não habilitada e cinco por licenciamento vencido. A operação se estendeu até às 5h desta segunda-feira.