Homem executado no Bairro Tiradentes tinha extensa ficha criminal

Homem executado no Bairro Tiradentes tinha extensa ficha criminal

COMPARTILHAR
Muito sangue no local do crime. (Direto das ruas)

Douglas Aparecido Lima dos Santos, 28 anos, o “Neguim”, morto na noite dessa terça-feira (27), no Bairro Tiradentes, contava com extensa ficha de crimes na polícia. No tipo “de tudo um pouco”, o maior número de passagens de “Neguim” era por furtos desde a adolescência e que não pararam após os 18 anos, sendo apanhado dezenas de vezes por furto simples, qualificado, roubos, tráfico, dinheiro falso e importunação ofensiva, entre outros, tendo também sido vítima algumas vezes, principalmente de agressão.

Vítima de crime com autoria até então desconhecida, Douglas foi encontrado morto na esquina da Avenida Marquês de Pombal com rua Cândida Lima de Barros. Ao atender o caso a polícia constatou marcas de tiros na cabeça e no queixo.

As polícias não teriam encontrado testemunhas do crime constatado quando populares encontraram a vítima já morta. Após os levantamentos de praxe o corpo foi recolhido ao Instituto de Medicina e Odontologia Legal-IMOL.