Homem sequestrado em Pedro Juan foi encontrado morto em Ponta Porã

Homem sequestrado em Pedro Juan foi encontrado morto em Ponta Porã

COMPARTILHAR
Populares ouviram tiros na madrugada e acharam cadáver esta manhã.

Antônio Coca

Populares que passavam na madrugada deste sábado pela BR 463 em frente ao Clube do Laço na saída para Dourados em Ponta Porã encontraram o corpo de Emílio Garcia Paredes de 31 anos que tinha sido sequestrado na tarde de ontem na Colônia Pu’ã Pyahu em Pedro Juan Caballero.

De acordo com o Memorando da Polícia Nacional do Paraguai, Emílio que era procurado pela polícia daquele país e tinha dezenas de passagens por vários crimes, foi sequestrado por quatro homens armados que estavam em um van.

Na noite de ontem moradores da região de onde o corpo foi encontrado relataram que ouviram duas rajadas de armas automáticas e hoje o corpo foi localizado com uma das mãos cortadas, marcas de tortura e com vários tiros principalmente na cabeça.

No bilhete, aviso de que mais ladrões podem morrer.

Ao lado do corpo um cartaz onde estava escrito em espanhol “Justiceiros da Fronteira. Não roubar na fronteira. Isso é só o começo”. Policiais militares e homens da perícia técnica da Polícia Civil estão fazendo os levantamentos. Parentes da vítima que estão onde o corpo foi encontrado confirmaram que se trata mesmo de Emílio Garcia Paredes.

Este foi o quinto homicídio registrado esta semana em Ponta Porã. Três pessoas foram assassinadas na quarta-feira, um empresário foi morto a tiros na quinta. Todos os crimes tinham acontecido na saída para Antônio João.

Tiros na cabeça, lesões e sem uma mão.