Homens mortos em confronto com PM tinham várias passagens pela polícia

Homens mortos em confronto com PM tinham várias passagens pela polícia

COMPARTILHAR
Armas e cápsulas deflagradas apreendidas pela polícia.

A polícia constatou que os dois homens mortos na noite de ontem (29) em confronto com a Polícia Militar, possuíam várias passagens pela polícia. Um deles, conforme o cadastro policial, tinha passagens desde a adolescência e era definido como de alta periculosidade.

Lusiano e Daivison

De acordo com a polícia, Lusiano de Souza Costa (24), registra passagens desde a adolescência e na maioridade foram seguidos registros. Atualmente Lusiano estava evadido de presídio e contava com mais de dez passagens pela polícia por crimes de roubos (assaltos), porte de arma, lesão corporal e resistência.

Seu último roubo aconteceu no dia 25 passado, quando em companhia de um comparsa identificado supostamente como “Jarote”, assaltou uma família no Bairro Mata do Jacinto. No ataque cometido com requintes de violência, a dupla chegou agredir uma criança. Eles roubaram entre outras coisas, o veículo da família, um Corolla.

Já Daividson Dênis Fernandes dos Santos (21), registrava passagens por dirigir embriagado e tráfico, sendo definido pela polícia como de menor potencial ofensivo. A polícia apura se além do roubo do Corolla, Lusiano cometeu outros em seus últimos dias.

As mortes

Os dois homens morreram ao serem localizados no Bairro Nova Lima pela Polícia Militar e após tentativa de fuga pulando muros, invadindo pátio de escola e residências. Um dos indivíduos foi surpreendido e recebeu voz de prisão que respondeu atirando contra o policial e no revide acabou baleado.

Em seguida ocorreu o mesmo com o comparsa que também foi baleado. Os dois foram socorridos e levados para UPA Nova Bahia onde morreram ao dar entrada. O caso foi registrado na Depac-Centro e deve ser encaminhado para a 2ª Delegacia.