Justiça decide que administrativos da saúde devem receber adicional noturno

Justiça decide que administrativos da saúde devem receber adicional noturno

COMPARTILHAR
Justiça atende categoria.

Decisão do juiz da 2ª Vara de Direitos Difusos, David de Oliveira Gomes, determinou que a prefeitura de Campo Grande pague o adicional de 20% sobre o trabalho noturno para profissionais administrativos da saúde plantonistas. A ação coletiva foi movida pelo advogado da Associação de Servidores Administrativos da Saúde Municipal na Luta (ASL), Márcio Almeida, e a sentença foi julgada nesta quarta-feira (16).

“É um direito para a categoria que foi garantido de forma limpa, clara e correta”, explica o presidente da Associação, Thiago Barateli. “A ação foi pensada junto à nossa assessoria jurídica para garantir a equivalência salarial para os administrativos da saúde”, finaliza.