Morre indígena que estava internado no Hospital da Vida depois de acidente

Morre indígena que estava internado no Hospital da Vida depois de acidente

COMPARTILHAR

Antônio Coca

Morreu na manhã desta quarta-feira (27) na UTI do Hospital da Vida em Dourados, Mauricio Riquelme Duarte, de 30 anos. Ele estava internado desde à tarde do último domingo, após sofrer um acidente na BR-163, entre as cidades de Itaquiraí e Eldorado. No dia no acidente morreu no local, Rauf Riquelme Duarte, de 36 anos, irmão do Mauricio.

Rauf bateu o carro que conduzia, o Gol cinza, placas BJO-3203 de Naviraí, contra um GM/Ônix, placas PYT-2007 de Naviraí, conduzido por uma mulher. De acordo com testemunhas Rauf conduzia o carro em zig-zag pela pista quando bateu no GM/Ônix.

Com o impacto Rauf morreu na hora. Ficaram feridos Mauricio Riquelme Duarte, Luan Martins Duarte, de 9 anos, a mãe dele Tâmara Martins de 35 anos. No outro veículo estavam Rosmeire Viudes, de 51 anos e Kayla Ortiz Sanches de Souza, de 26 anos, ambas moradoras em Naviraí, que tiveram ferimentos leve.

Todos os ocupantes do Gol eram moradores em uma aldeia da região de fronteira. Mauricio e o filho Luan, foram transferidos para Dourados em estado grave. Mauricio estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), do Hospital da Vida e devido a gravidade dos ferimentos morreu na manhã de hoje.