Morre trabalhador vítima de explosão de caminhão em empresa química na Capital

Morre trabalhador vítima de explosão de caminhão em empresa química na Capital

COMPARTILHAR
Luiz Carlos teve corpo arremessado. (Direto das Ruas)

Morreu às 12h20 na Santa Casa de Campo Grande, o trabalhador Luiz Carlos Martins da Vida, de 50 anos. Ele foi vítima na manhã de hoje da explosão ocorrida no pátio da empresa Carandá Petroquímica e Serviços, localizada na rua Jamil Nahas no Polo Empresarial Oeste, em Campo Grande.

Luiz Carlos sofreu ferimentos múltiplos quando um caminhão carregado com glicerina explodiu. Quando era socorrido pelo Corpo de Bombeiros ele sofreu uma parada cardiorrespiratória, mas foi reanimado.

Quando era levado para a Santa Casa ele teve o quadro agravado e passou a ser atendido ainda na região do acidente, por uma equipe Avançada do SAMU e precisou ser intubado. Internado às pressas na Ala vermelha do hospital o trabalhador recebia tratamento intensivo, mas a situação se agravou e ele acabou não resistindo.

Devido a gravidade da situação, o Corpo de Bombeiros acionou além de seu setor técnico, Perícia e Polícia Civil para levantamentos no local. Um delegado de polícia assumiu o caso, mas o que foi constatado na indústria e as circunstâncias da explosão ainda são desconhecidas.