Morre uma das vítimas do atentado na fronteira

Morre uma das vítimas do atentado na fronteira

COMPARTILHAR
Tiros atingiram os quatro lados da Hilux

Antônio Coca

Morreu há pouco no Hospital Regional de Ponta Porã, o piloto Jorge Henrique Fernandes de 26 anos. Ele foi atingido por vários disparos de uma arma automática ao trafegar pela avenida Brasil no centro de Ponta Porã em uma Hilux prata com placas de Ponta Porã quando homens armados atacaram.

Jorge teve todo o corpo atingido por tiros

Jorge Henrique e Emerson Mereles foram socorridos pelo Corpo de Bombeiros e pelo SAMU sendo levados em estado crítico para o Hospital Regional de Ponta Porã onde Jorge morreu quando era atendido. Ele já tinha sofrido outro atentado em Pedro Juan Caballero quando foi ferido sem gravidade. No primeiro atentado, ele estava em um Fiat Estrada que ficou crivado de bala.

Populares disseram que foram disparados mais de 50 tiros contra os dois. Não há pistas dos atiradores que fugiram para o lado paraguaio da fronteira. Equipes da Polícia Nacional do Paraguai fazem buscas na tentativa de localizar os pistoleiros.