Mulher é acusada de danificar taxi e agredir ex-marido

Mulher é acusada de danificar taxi e agredir ex-marido

COMPARTILHAR
Traseira e vidro destruídos

No final da manhã de quinta-feira (25), policiais militares da Força Tática do 1º BPM atenderam uma ocorrência atípica que começava com um suposto incidente no trânsito, mas que logo a equipe da PM definiu como atrito envolvendo ex casal.

A situação acabou sendo registrada como vias de fato (briga) e dano em que um táxi ficou bastante danificado, a mulher com lesão na boca e nariz sangrando por conta do “acidente” que ela mesma provocou. Os policiais da RP foram acionados pela Central de Operações – Ciops para atendimento a uma suposta situação de briga entre homem e mulher na avenida Mato Grosso em frente ao Wallmart.

No local, a vítima, homem de 49 anos contou que estava em seu trabalho, o ponto de táxi no Wallmart, quando viu sua ex-esposa, 63 anos, se aproximando visivelmente com intenção de agredi-lo. A vítima detalha ainda que a mulher, enquadrada pela polícia como autora, dirigindo um táxi Siena, bateu intencionalmente na traseira do carro do ex-marido vítima, também táxi um Toyota Etios.

Além disso, a mulher desceu do veículo e empunhando ferramenta conhecida como chave de grifo passando a danificar os vidros e diversas outras partes do carro do ex. A própria autora confirmou a versão apresentada pela vítima, seu ex marido, alegando motivos pessoais para o comportamento.

Sem muita alternativa, os policiais conduziram as partes para a Polícia Civil definir os procedimentos cabíveis. As partes se encarregaram da remoção dos veículos para oficinas.