Nove presos foram mortos e oito feridos em motim no Paraguai

Nove presos foram mortos e oito feridos em motim no Paraguai

COMPARTILHAR

Antônio Coca

Autoridades paraguaias confirmaram a morte de nove detentos e oito feridos em um confronto neste domingo na Penitenciária Regional de San Pedro nas proximidades de Paranhos no Mato Grosso do Sul. O embate teria sido entre membros do Primeiro Comando da Capital e de uma facção paraguaia conhecida como clã Rotela, liderado por Armando Rotela Ayala que tenta evitar o domínio dos brasileiros dentro dos presídios paraguaios.

Esta semana dois membros dos Rotela já tinham sido assassinados na Penitenciária Nacional de Tacumbú em Assunção, durante um “batismo de sangue” de membros do PCC. Nesta tarde em San Pedro cinco presos foram decapitados e outros quatro foram tiveram os corpos queimados depois de teriam sido mortos a tiros e com golpes de armas artesanais. Pelo menos dez outros presos tiveram que ser levados para o Hospital Regional de San Pedro que precisou ser evacuado e somente os pacientes mais graves foram autorizados permanecer no local, já que havia a possibilidade de uma invasão de grupos armados para resgatar os presos ou mata-los.

Ainda na noite deste domingo a Polícia Nacional do Paraguai deverá divulgar os nomes dos presos que foram assassinados e dos feridos. Agora pouco surgiu informes de que a situação voltou a ser tensa na Penitenciária Tacumbu.