Operação da Polícia Federal de Ponta Porã prende traficantes do Distrito Federal

Operação da Polícia Federal de Ponta Porã prende traficantes do Distrito Federal

COMPARTILHAR

Antônio Coca

Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (12) a Operação Pteridófita, com o objetivo de desarticular organização criminosa atuante no tráfico internacional de drogas, com atuação no Distrito Federal. Estão sendo cumpridos mandados de busca e apreensão e mandados de prisão, em decorrência de investigação conduzida pela Delegacia de Polícia Federal em Ponta Porã.

A investigação teve origem na prisão em flagrante de duas pessoas, efetuada em setembro de 2017, as quais transportavam cerca de 412 quilos de maconha adquiridas no Paraguai e que estavam sendo levadas para o Distrito Federal.

Após a prisão dos responsáveis pelo transporte da droga, foram realizadas diligências que permitiram identificar uma organização criminosa sediada no Distrito Federal, a qual atuava de forma recorrente no tráfico internacional de entorpecentes. As cargas de maconha eram adquiridas nas cidades paraguaias de Capitán Bado e Pedro Juan Caballero, cidades gêmeas que fazem fronteira seca com Coronel Sapucaia e Ponta Porã, respectivamente.

Os suspeitos presos na data de hoje têm suas condutas vinculadas a atividades de traficância de entorpecentes, além de possuírem antecedentes criminais por diversos crimes, tais como associação para o tráfico, homicídio, roubo, porte ilegal de arma e moeda falsa. A área de atuação do grupo no Distrito Federal se concentrava nas cidades-satélite de Samambaia Norte e Recanto das Emas.

A deflagração contou com a participação de 10 policiais federais, sendo que recebeu o nome em razão de Samambaia, nome da cidade-satélite à qual a droga se destinava, ser uma planta do grupo das Pteridófitas. Os nomes dos traficantes presos não foram divulgados.