Pai e filho atacam oficiais de Justiça para impedir apreensão de...

Pai e filho atacam oficiais de Justiça para impedir apreensão de Hilux

COMPARTILHAR
Justiça ainda não se manifestou sobre ataque aos servidores.

Detentores da caminhonete Toyota Hilux placas OOK-6000, veículo procurado através de mandado de busca e apreensão na cidade de Bonito, pai e filho impediram o cumprimento da ordem judicial lançando o veículo contra dois oficiais de Justiça, um deles sendo ferido durante o ataque. O caso definido como três crimes, ocorreu na tarde desta terça-feira (24), na rua 29 de maio 1.417, em Bonito.

A polícia está na busca de ambos ao mesmo tempo que apura informes indicando que ao menos um deles possui diversos registros policiais a maioria por atos violentos, entre os quais lesão corporal e exercício arbitrário das próprias razões. A Justiça na cidade ainda não se manifestou sobre o episódio.

De acordo com o registro do caso na polícia, a Hilux estava sendo procurada há dias e ontem foi localizada no imóvel. Os dois oficiais estavam no local quando chegaram pai e filho, Salvador e João Paulo que sabiam do mandado extraído de processo, mas chegaram visivelmente alterados.

Assim que chegaram os dois já foram gritando que “a caminhonete vocês não vão levar”. João Paulo em seguida entrou no veículo já em funcionamento e gritando: “Sai da frente que eu vou passar em cima de vocês” e arrancou disposto a atropelar os servidores.

Em meio a ação do filho, o pai, Salvador, tentava agarrar o segundo oficial de justiça e em seguida João Paulo cumpriu a ameaça arrancando com a caminhonete da garagem para cima dos Oficiais de Justiça, quebrando um pedaço do muro que segura o portão, ferindo e fraturando um dos braços do oficial de Justiça Ricardo. Em seguida pai e filho fugiram.