PF faz apreensão recorde de cinco toneladas de cocaína no Porto do...

PF faz apreensão recorde de cinco toneladas de cocaína no Porto do Rio

COMPARTILHAR

A Polícia Federal apreendeu nessa terça-feira, (5), mais de cinco toneladas de cloridrato de cocaína no Porto do Rio, na maior apreensão do gênero na história do Rio de Janeiro. Quase todo o entorpecente estava escondido em dois contêineres com destino a Moçambique, embalado em caixas de sabão em pó. Outros 280 quilos foram encontrados em um veículo próximo ao porto, no Caju e dois homens foram presos em flagrante.

De acordo com a PF, a descoberta da droga foi possível após uma denúncia e intenso trabalho de diligências. Ao longo do dia, com a ajuda de cães farejadores, 4,3 toneladas de cocaína foram encontradas em um contêiner, escondidas em caixas de sabão em pó. Ao mesmo tempo em que realizava a apreensão da droga, agentes da PF e da Receita Federal fizeram cruzamento de dados e identificaram outro contêiner suspeito. No local, foram encontrados mais 700 quilos do cloridrato.

À noite, policiais federais identificaram uma movimentação suspeita no entorno do porto e abordaram um veículo, onde foram encontrados mais 280 quilos da droga. Os dois ocupantes foram presos por tráfico internacional.

Participaram das atividades agentes da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE) e policiais que integram a Missão Redentor, força-tarefa com profissionais especializados na área de inteligência no combate às organizações criminosas violentas voltadas ao tráfico de drogas e armas, corrupção e crimes ambientais.