PM intercepta aeronave com carga de ouro

PM intercepta aeronave com carga de ouro

COMPARTILHAR
Ouro seria entregue em São José do Rio Preto. (Divulgação/PM/GO)

Policiais militares de Mato Grosso e Goiás apreenderam uma carga de 16,6 quilos em barras de ouro avaliadas em R$ 2,8 milhões, conforme a cotação do dia, nesta terça-feira (28), no aeroporto de Aragarças. Uma pessoa foi presa e a Polícia Federal foi acionada para assumir a ocorrência.

A apreensão foi possível a partir de informações levantadas pela PM de Mato Grosso, indicando que uma aeronave estaria pousando no aeroporto de Aragarças, cidade vizinha a Barra do Garças, com uma carga ilegal.

Conforme o tenente PM Aguinelo Silvestre de Oliveira Júnior, os policiais militares de Goiás aguardaram a aeronave que iria pousar para abastecer e realizaram a abordagem. “A PM de Mato Grosso auxiliou na interceptação já que a aeronave carregava algo irregular, só não sabíamos o que seria. Logo que a carga foi identificada ajudamos nas buscas e abordagens. Os agentes da Polícia Federal chegaram logo em seguida”. Afirmou o oficial.

O piloto, de 35 anos, disse que presta serviço para a empresa proprietária da aeronave matrícula PT-RRB e que decolou de Novo Progresso, no Pará, com destino a cidade de São José do Rio Preto, em São Paulo. Foi ainda apreendido um total de R$ 4,7 mil em dinheiro.

A aeronave Neiva fabricada em 1.984 está regular, porém é registrada como particular (pessoa física) e não de empresa como afirmou o piloto. Ele foi conduzido com o ouro e dinheiro para a Polícia Federal de Barra do Garças, onde poderá responder por crime de usurpação mineral previsto.

Aeronave particular foi apreendida.