Polícia Federal prende foragida Boliviana investigada por desastre aéreo com equipe da...

Polícia Federal prende foragida Boliviana investigada por desastre aéreo com equipe da Chapecoense

COMPARTILHAR

A Polícia Federal prendeu nesta quinta-feira (23), foragida de nacionalidade Boliviana responsável pela análise e aprovação do plano de voo da aeronave, que em novembro de 2016, por volta das 22h57 (fuso horário), caiu ao se aproximar do aeroporto internacional José Maria Cordova, em Rio Negro, a poucos quilômetros da cidade de Medelín, na Colômbia. Na queda, 71 pessoas morreram, fato amplamente noticiado na mídia nacional brasileira, já que a aeronave transportava a equipe de futebol Chapecoense.

A mulher era especialista em segurança de voo e, na ocasião, teria deixado, fraudulentamente, de observar os requisitos procedimentais mínimos para a aprovação do plano de voo da aeronave, pois no programa apresentado, a autonomia de voo não era adequada para a viagem. A estrangeira permanecerá presa em Corumbá, onde aguardará os trâmites legais para que seja entregue às autoridades bolivianas.