Polícia investiga morte de bebê na Reserva Indígena de Dourados

Polícia investiga morte de bebê na Reserva Indígena de Dourados

COMPARTILHAR
Polícia fez levantamentos no Local (Foto: Osvaldo Duarte)

Investigadores da Polícia apuram as circunstâncias da morte de um bebê de 60 dias ocorrida na Aldeia Bororó, Reserva Indígena de Dourados na madrugada de domingo (25). Uiris Melo Rodrigues foi encontrado sem vida pela mãe, horas após ser amamentado.

De acordo com o registro do caso, a mãe do bebê disse que ele chorava muito e por volta de meia-noite o amamentou e em seguida vou a dormir. Às 3h, ela acordou para ver como a criança estava e percebeu que estava morta.

Para a polícia, a mãe relatou que o bebê há dias estava em tratamento contra bronquite. No corpo, não há sinais de violência e o caso é tratado por enquanto como morte natural, porém, o caso está sendo investigado.