Polícia Militar desmontam mais um esquema de tráfico em Campo Grande

Polícia Militar desmontam mais um esquema de tráfico em Campo Grande

COMPARTILHAR

Policiais Militares do Batalhão de Choque desmontaram mais um ponto de drogas, cujo traficante chefe comandava o tráfico em duas comunidades. A ação do CHOQUE ocorreu durante checagem e apuração de denúncia anônima apurando possível esquema de tráfico de entorpecentes e receptação de celulares e outros bens comandado por indivíduo chamado Marlon, conhecido como Marlinho.

Apontado como chefe do tráfico, segundo a denúncia, Marlinho foi apontado como abastecedor de bocas de fumo e usuários nas regiões do Caiobá e Santa Emília, áreas que passaram ser monitoradas pelo BMPChoque.

Ao passar próximo ao local denunciado, a equipe do Choque percebeu indivíduo semelhante ao relatado na denúncia e na abordagem foi constatado não se tratar do denunciado, mas usuário de entorpecente que não portava droga alguma.

Mas ele acabou colaborando com a policia quando perguntado se conhecia Marlon, prontamente revelou que conhece sim, pois é seu cunhado. Perguntado se o cunhado atuava no tráfico, disse que sim e confirmou que Marlon poderia ser encontrado em casa, onde também tinha entorpecente.

Diante da suspeita a equipe do BPMChoque foi até a casa de Marlon, mas ele não estava. Os policiais solicitaram a uma irmã dele que autorizasse acompanhasse os policiais em uma busca no interior da casa. Em seguida a equipe apreendeu dentro de uma geladeira, dois tabletes de maconha, porções de cocaína e quatro porções de maconha. Em cima do fogão na cozinha foi encontrada uma pistola Taurus calibre 7.65 municiada com 11 balas.

Ainda foram apreendidas sacola plástica contendo bala de fuzil calibre .762 e 17 munições calibre 32. No sofá foram encontrados 10 celulares, balança de precisão e R$ 826,5 em dinheiro. O caso foi repassado para a DEPAC-Cepol e as drogas e materiais recolhidas na Denar.

Apreensões na casa mostram potencial da boca.